Mensagens de Saudades

Não saber

Saudade é não saber. Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento, não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.

A vida muda

O amor esfria, a lágrima seca, a saudade acaba, o sorriso se renova, a vida muda.

Cheio de tudo

Estranho é esse sentimento de se sentir cheio de tudo e ao mesmo tempo tão vazio.

Você me faz falta

O tempo passa mais devagar,
As coisas já não andam como sempre,
A distância que existe me incomoda,
E o sofrimento em peito é presente.

Sinto falta do carinho, da ternura,
De palavras brandas, das risadas,
Das horas que eram perdidas,
E agora tanto me fazem falta.

Ah! Sentimento que incomoda,
Faz o coração bater acelerado,
Sem ritmo, frenético, descompassado,
Por sentir saudades sua.

Não me faz sofrer desse jeito,
Não me deixe com essa angústia,
Tira essa dor do meu peito,
Arranca essa saudade maluca.

Você que é importante,
Só me ama não maltrata,
Vê em meu olhar distante,
Que você me faz falta.

Volta logo, vem pra perto,
Vem matar esse desejo,
Manda embora essa saudade,
Com carícias, abraços e beijos.

Não é nada, é só tristeza mesmo

Não é nada
É só vontade chorar
Acredito que não seja nada
Só uma dor que não passa
Um vazio que não se preenche
Uma solidão não passageira
Uma pergunta que não se cala
Por que?
Parecia tudo tão perfeito
Já deveria ter imaginado que algum preço eu teria que pagar
Por que tão caro?
É só tristeza
Não se preocupe tanto
Não vai passar
Mas eu me acostumo
Está muito frio aqui
E não adianta fechar a porta
Só quero que fique longe de mim

Deve chamar-se tristeza

Deve chamar-se tristeza
Isto que não sei que seja
Que me inquieta sem surpresa,
Saudade que não deseja.
Sim, tristeza — mas aquela
Que nasce de conhecer
Que ao longe está uma estrela
E ao perto está não a ter.
Seja o que for, é o que tenho.
Tudo mais é tudo só.
E eu deixo ir o pó que apanho
De entre as mãos ricas de pó.

Chega de saudade

Vai minha tristeza
E diz a ela que sem ela não pode ser
Diz-lhe numa prece
Que ela regresse
Porque eu não posso mais sofrer

Chega de saudade
A realidade é que sem ela não há paz
Não há beleza
É só tristeza e a melancolia
Que não sai de mim, não sai de mim, não sai

Mas se ela voltar, se ela voltar
Que coisa linda, que coisa louca
Pois há menos peixinhos a nadar no mar
Do que os beijinhos que eu darei
Na sua boca

Dentro dos meus braços
Os abraços hão de ser milhões de abraços
Apertado assim, colado assim, calado assim
Abraços e beijinhos, e carinhos sem ter fim
Que é pra acabar com esse negócio de você viver sem mim

Não há paz
Não há beleza
É só tristeza e a melancolia
Que não sai de mim, não sai de mim, não sai

Dentro dos meus braços
Os abraços hão de ser milhões de abraços
Apertado assim, colado assim, calado assim
Abraços e beijinhos, e carinhos sem ter fim
Que é pra acabar com esse negócio de você viver sem mim

Não quero mais esse negócio de você longe de mim
Vamos deixar desse negócio de você viver sem mim

Ontem éramos

Ontem nós éramos perfeitos…

Nos amávamos…

Vivíamos num mundo cor-de-rosa.

Nossas vidas eram feitas de flores e estrelas.

Ontem nos éramos inseparáveis…

Nos preocupávamos um com o outro até mesmo por telepatia.

Nossos lábios mostravam a todos o sorriso da felicidade…

Ontem nos éramos cúmplices em tudo o que fazíamos, nas pequenas e grandes coisas, nos ajudávamos mutuamente…

Ontem nós éramos um casal…

Perfeitos no amor, no pensar, nos toques e nos carinhos…

Ontem nós éramos uma só pessoa…

Com corpos e desejos misturados, com vontades inexplicáveis em um ser…

Ontem nós éramos o paraíso…

Sem maldades, sem desconfianças, sem rancores… Porque em nós só pairava o amor.

Hoje nós somos a saudade de tudo o que fomos ontem e que o rompimento levou!

Vai ser fácil te esquecer

Vai ser fácil esquecer você…
Basta não olhar o céu…
Não lembrar do mar…

Vai ser fácil esquecer você…
Basta esconder a simpatia…
Abandonar a ilusão…
Mascarar a alegria…
Viver na solidão…

Vai ser fácil esquecer você…
Basta não lembrar do seu sorriso…
Daquele seu meigo olhar…

Vai ser fácil esquecer você…
Basta de nada lembrar,
Nada olhar,
Não viver, nem amar,
Esquecer sua importância em minha vida…

Vai ser fácil esquecer você!
Basta eu mesma,
Esquecer de mim.

A perda de alguém que amamos

Nascemos, crescemos, morremos. Esta é a sequência natural da vida. A eterna renovação da vida.

Mas ainda que tenhamos conhecimento de que nascemos para permanecermos determinado período na Terra, e de que um dia teremos que retornar ao mundo espiritual, ainda assim nunca estamos preparados para a partida daqueles a quem amamos.

Ao partirem deixam um enorme vazio em nossos corações e a dor da incerteza, da dúvida. Nestes momentos não podemos permitir que o desalento, a dor e a tristeza tomem conta de nós.

Devemos elevar o nosso pensamento a Deus e a Jesus pedindo forças, ânimo e coragem para prosseguirmos, pois a vida segue.

Quem partiu tem uma nova trajetória a seguir e quem ficou também tem de continuar o aprendizado aqui na Terra.

Mas tenhamos uma certeza: a morte não existe. O que ocorre é apenas uma mudança de estado.

Sigamos em frente com a certeza de que os laços que nos unem aos que partiram não se rompem, ao contrário, quando baseados no amor verdadeiro tornam-se cada vez mais fortes.

Além disso, chegará o dia em que na eternidade nos encontraremos na grande família universal, pois somos todos filhos de um mesmo Pai, que nos ama e que deseja nos ver unidos única e exclusivamente pelo amor.

Aqui você encontra a magia das palavras para demonstrar todo seu sentimento em forma de lindas mensagens e frases. A mensagem certa para compartilhar com quem você gosta.

Curta o Magia das Mensagens nas redes sociais: